A Copa Truck definiu neste domingo os finalistas da temporada 2021 com uma apresentação histórica no novo Autódromo Potenza, em Lima Duarte (MG), que recebeu neste fim de semana sua primeira competição de nível nacional e que viu Felipe Giaffone e Danilo Dirani como grandes vencedores.

Com a aplicação dos descartes obrigatórios dos três piores resultados, três pilotos estão elegíveis para disputar o título nas duas categorias em jogo. No Geral, após dois terceiros lugares no MG, André Marques parte para Curitiba, palco da decisão no dia 5 de dezembro, com 227 pontos, contra 212 de Wellington Cirino, que teve um fim de semana complicado, e 209 de Felipe Giaffone, favorecido pela vitória na corrida 1 em Potenza.

Já na SuperTruck, Felipe Tozzo conseguiu salvar um fim de semana que parecia perdido, largando em último na prova 1 e salvando um terceiro lugar e uma vitória, nesta ordem, se aproveitando dos problemas dos rivais. Ele vai para a finalíssima com 218 pontos, contra 209 de Jô Augusto e 202 de Giuliano Losacco. O resto dos pilotos de ambas as categorias não possuem chances matemáticas de brigar pelo campeonato, uma vez que serão 40 pontos em jogo na decisão.

As corridas que marcaram a estreia de Potenza no calendário foram extremamente atribuladas e competitivas. A primeira disputa acabou maculada por um forte acidente entre Danilo Alamini e Fabinho Fogaça, que deu muito trabalho para a turma do resgate. Nos minutos que restaram, no entanto, as disputas foram apertadíssimas e Giaffone superou Beto Monteiro por dois segundos no geral, enquanto Daniel Kelemen venceu pela primeira vez na SuperTruck, seguido por Rodrigo Pimenta.

A bateria complementar viu Jaidson Zini largar da ponta e liderar a maior parte da prova, mas o azar bateu à sua porta e ele queimou o radar, sendo obrigado a cumprir um drive-through e dar a liderança de mão beijada para Dirani, que largou do fundo do pelotão na corrida 1 e venceu com 1s4 de vantagem para Paulo Salustiano; já Tozzo venceu após uma enorme confusão que tirou da prova o então líder Kelemen, além de Losacco e Djalma Pivetta.

A Copa Truck agora tira um intervalo de quase dois meses até a Grande Final, que será exibida ao vivo pela Band, SporTV2 e canais oficiais. Confira os resultados extra-oficiais:

Corrida 1

1. Felipe Giaffone IVE 10 voltas
2. Beto Monteiro VW a 2s015
3. André Marques MB a 3s603
4. Paulo Salustiano VW a 4s425
5. Roberval Andrade VW a 7s343
6. Adalberto Jardim PRO a 18s653
7. Danilo Dirani MB a 19s324
8. Jaidson Zini MN a 19s905
9. Wellington Cirino MB a 20s350
10. Daniel Kelemen MB/S a 23.215
11. Rodrigo Pimenta PRO/S a 25.393
12. Luiz Lopes MB a 26s803
13. Felipe Tozzo IVE/S a 29s136
14. Raphael Abbate IVE/S a 32s845
15. PP Fernandes MB/S a 33.684
16. Djalma Pivetta IVE/S a 34s960
17. Debora Rodrigues VW a 35s231
18. Giuliano Losacco MB/S a 35s592
19. Ricardo Alvarez SCA/S a 40s069
20. José Augusto Dias VW/S a 47s312
21. Evandro Camargo MB/S a 50s929
22. Glauco Barros MB/S a 57s648

Não classificado
Fabio Fogaça PRO a 9 voltas
Danilo Alamini VW a 9 voltas

Melhor volta: Felipe Giaffone, 1min52s551

Corrida 2

1. Danilo Dirani MB, 10 voltas
2. Paulo Salustiano VW a 1s453
3. André Marques MB a 9s788
4. Adalberto Jardim PRO a 19s722
5. Beto Monteiro VW a 20s456
6. Wellington Cirino MB a 21s762
7. Felipe Giaffone IVE a 22s385
8. Felipe Tozzo IVE/S a 33s889
9. Jaidson Zini MB a 34s819
10. PP Fernandes MB/S a 38s448
11. Rodrigo Pimenta PRO/S a 44s874
12. José Augusto Dias VW/S a 45s617
13. Raphael Abbate IVE/S a 1min11s539
14. Ricardo Alvarez SCA/S a 1min11s599
15. Daniel Kelemen MB/S a 2 voltas
16. Djalma Pivetta IVE/S a 2 voltas
17. Giuliano Losacco MB/S a 2 voltas

Não classificados
Glauco Barros MB/S a 4 voltas
Luiz Lopes MB a 5 voltas
Roberval Andrade VW a 6 voltas
Débora Rodrigues VW a 7 voltas
Evandro Camargo MB/S a 8 voltas
Fábio Fogaça PRO/S não largou
Danilo Alamini VW/S não largou

Melhor volta: Paulo Salustiano 1:53.554