Wellington Cirino terminou na frente o primeiro dia de atividades da Copa Truck em Rivera, no Uruguai. O campeão da Copa Sul, que estreia neste fim de semana uma pintura toda dourada em seu Mercedes-Benz, registrou o tempo de referência do momento no fim de semana em 1min32s975.

Logo atrás dele surgiu Felipe Giaffone, que havia sido o mais rápido da primeira sessão, mas encerrou a prática seguinte com 0s515 de desvantagem, afirmando que a pista é mais difícil que ele imaginava. “Essa é uma pista bem desafiadora e bastante ondulada. Não tá fácil para acertar o caminhão e a pilotagem”, comenta o atual líder da Copa Mercosul, que será decidida neste fim de semana, ressaltando um fato importante: “O Cirino está melhor, mesmo, e vou correr pensando no campeonato”.

Já Cirino sabe da qualidade do ajuste aplicado em seu caminhão, mas também tem ciência de que não pode dormir no ponto. “O acerto tá muito bom. Estamos trabalhando muito ainda treino a treino, pois sabemos que eles vão evoluir, mas sabemos que temos dois caminhões para brigar pela primeira fila”, comenta Cirino, um dos dois pilotos a terem já disputado uma prova em Rivera, ao lado de Witold Ramasauskas.

A terceira posição ficou com Roberval Andrade, que provocou a primeira bandeira vermelha da sessão após parar na pista sem maiores problemas. André Marques, parceiro de Cirino e piloto que mais pontuou neste ano, ficou em quarto, com Ramasauskas fechando a lista dos cinco primeiros. Regis Boessio (Volvo) confirmou a boa fase apresentada em Buenos Aires ao ser sexto, seguido de Beto Monteiro (Iveco), Renato Martins (Volkswagen), Giuliano Losacco (Iveco) e Leandro Totti (Mercedes-Benz).

A sessão contou com mais dois destaques: a volta de Djalma Fogaça ao caminhão da MAN e o acidente de Danilo Dirani na primeira prática: o piloto da Mercedes-Benz estampou os pneus da curva 5, danificou toda a frente de seu caminhão e ficou de fora da segunda sessão – porém, os mecânicos devem terminar o conserto do equipamento nas próximas horas.

Os pilotos da Copa Truck terão mais uma sessão na manhã deste sábado às 8h50 para deixarem os brutos pronto para a tomada de tempos, marcada para as 12h20 com transmissão ao vivo nas redes sociais da categoria. Confira abaixo o resultado desta sexta-feira:

1° # 6 Wellington Cirino ( Mercedes-Benz ), 1:32.974
2° # 4 Felipe Giaffone ( Volkswagen ), 1:33.459
3° # 15 Roberval Andrade ( Scania ), 1:33.917
4° # 77 André Marques ( Mercedes-Benz ), 1:34.085
5° # 13 Witold Ramasauskas ( MAN ), 1:35.147
6° # 83 Regis Boessio ( Volvo ), 1:35.353
7° # 88 Beto Monteiro ( Iveco ), 1:35.542
8° # 9 Renato Martins ( Volkswagen ), 1:35.653
9° # 90 Giuliano Losacco ( Iveco ), 1:35.712
10° # 73 Leandro Totti ( Mercedes-Benz ), 1:35.986
11° # 72 Djalma Fogaça ( MAN ), 1:36.031
12° # 7 Debora Rodrigues ( Volkswagen ), 1:36.727
13° # 29 Pedro Paulo Fernandes ( Mercedes-Benz ), 1:36.741
14° # 5 Adalberto Jardim ( Ford ), 1:37.339
15° # 99 Luiz Lopes ( Iveco ), 1:37.842
16° # 47 Duda Bana ( Volvo ), 1:37.843
17° # 27 Fábio Fogaça ( Ford ), 1:38.124
18° # 11 Rodrigo Belinati ( Volkswagen ), 1:39.101
19° # 28 Danilo Dirani ( Mercedes-Benz ), 1:45.951